+55 11 99882-2237

GRC- VC SABE MESMO O QUE QUER DIZER?

Consultoria especializada em Governança Corporativa

GRC- VC SABE MESMO O QUE QUER DIZER?

Muito tem sido falado em GRC de uns tempos para cá, mas, estamos falando ou praticando da maneira correta?

Para aprofundarmos mais, vamos apresentar as definições segundo o IBGC e o significado da sigla. Governança corporativa, Riscos e Compliance. Chamaremos de GC a governança.

GC: é o sistema pelo qual as empresas e demais organizações são dirigidas, monitoradas e incentivadas, envolvendo os relacionamentos entre sócios, conselho de administração, diretoria, órgãos de fiscalização e controle e demais partes interessadas.

Riscos: O gerenciamento de riscos corporativos (GRCorp) pode ser entendido como um sistema intrínseco ao planejamento estratégico de negócios, composto por processos contínuos e estruturados, desenhados para identificar e responder a eventos que possam afetar os objetivos da organização.

Compliance: “É o conjunto de disciplinas para fazer cumprir as normas legais e regulamentares, as políticas e as diretrizes estabelecidas para o negócio e para as atividades da instituição ou empresa, bem como evitar, detectar e tratar qualquer desvio ou inconformidade que possa ocorrer”¹.

Consegue ver em qual momento vemos a Governança que está se referindo nessa foto?

Com as definições estabelecidas, onde está cada área dentro de uma organização? Quais níveis de atuação?

Então podemos ver que riscos e compliance fazem parte da Governança, não é isso?

Neste caso a Sigla tem confundido muitos que anseiam em fazer GRC achando que o que fazem é Governança corporativa.

Quando alguém fala que faz GRC na verdade ele está cumprindo o que a governança corporativa está determinando para execução na gestão.

Precisamos colocar os pontos nos seus lugares para que muitos não continuem incorrendo em erro.

Estar num ambiente de Governança e trabalhar na área de riscos e compliance não é o mesmo que fazer governança. Governança é a estrutura elaborada pela alta administração, seguindo as melhores práticas, indicadas pelo IBGC.

Acreditamos que fica mais justo falar que, quando “fazem GRC “, na verdade eles criam ou participam da estrutura operacional de riscos e compliance de acordo com a GC determinada pela Cia. Então isso não é fazer Governança, e sim cumpri-la.

Governança Corporativa é muito mais complexa do que pensamos. Vamos falar então sobre o que é governança corporativa de modo a entenderem para que consigam visualizar a grande diferença.

A Governança é que determina como serão os passos da Cia, como os conselheiros, o conselho, a diretoria executiva, os comitês, as áreas da gestão (incluindo Riscos, compliance e qualquer outra área de controle) estarão estruturadas para que possam funcionar. Através dessa estrutura, a Governança, com suas melhores práticas e através de um profissional de governança, leva as missões decididas pelo Board, para que sejam executadas e direcionadas pela Diretoria Executiva.

A Diretoria Executiva, tem a missão de levar a decisão do Board para todas as áreas, traçando satisfatoriamente todos os programas que levarão a ter sucesso um programa de compliance robusto e uma área de riscos que dê suporte em todos os momentos, sinalizando, apontando, traçando um melhor direcionamento para sanar problemas ou apenas atuar como preventivo. Vale ressaltar ainda que, os comitês de Crise, precisam desses programas de controle funcionando muito bem, através desse processo de alinhamento da GC, para que a Cia não fique incidindo em erro constantemente. Mas esse assunto ficará para um outro momento

Então depois disso, gostaríamos de fazer as seguintes perguntas:

VC FAZ GOVERNANÇA CORPORATIVA OU TRATA DELA NA GESTÃO?

EM QUAL AMBIENTE VC CIRCULA?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo deste site é protegido. Para obter autorização do conteúdo, envie um e-mail para [email protected]
× Chat via WhatsApp